Grupos e agências de turismo

Grupos em carros de passeio não precisam agendar visita e entram gratuitamente.

Grupos em vans, micro-ônibus e ônibus devem agendar a visita com pelo menos duas semanas de antecedência. E pagam uma taxa de manutenção de R$ 50, que será cobrada na recepção.

Não é possível agendar grupos para sábados, domingos e feriados.

Devido a uma obra de restauração, a entrada ao templo principal estará fechada pelo período de 10 de agosto a 10 de outubro. A área externa do templo budista estará aberta normalmente para visitação pública aos seus monumentos sagradas conforme os dias em horários descritos no site.